quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Adoro-Vos (no plural)


Ver-te pela primeira vez nos braços do teu pai, sentir-te junto a mim, cheirar-te num reconhecimento mútuo, apertar-te, sentir a tua pele com a ponta dos dedos, beijar-te, matar cada bocadinho da saudade de não te ver durante nove meses. Tudo isso foi suplantado por esta imagem.
Eu sei que deveria render-me a todas as emoções supostas, mas esta foi a maior de todas, suposta, ou não.
Foi minha também, vivia-a em cada segundo, respirei-a, pesei-a com a medida de amor exacta que se sente por dois filhos que se conhecem pela primeira vez.
O vosso encontro foi um dos momentos mais fortes da minha vida. Adoro-vos filhos (e como ainda é estranho falar no plural).

13 comentários:

Chocolate disse...

habituas-te logo logo... o Amor é assim em vez de o dividirmos não... multiplicamo-lo!!

bjs e tudo de bom!

Miguel disse...

Esse Amor avassalador que toma conta de nós no momento em que conhecemos um filho... e a emoção que deve ser o primeiro encontro entre os irmão! Continuo sem conseguir descodificar esse Amor... mas já deixei de tentar e limito-me a sentir!
Beijo!

Cat disse...

Que lindo que deve ser...Parabéns por tanto amor.

Izzie disse...

que coisa mais linda:)

Ana. disse...

P'lamor dedeus!

Pões-me de lágrimas nos olhos logo de manhã!!
;)

Petra Pink disse...

consegues me emocionar as 10 e meia da manhã!
beijinhos!

Precis Almana disse...

Que lindos!
O António é tão fôfo (parece, literalmente :-))

Melissinha disse...

Ainda estou combalida de ontem, e já chorei com a foto, portanto.

Joanissima disse...

Fizeste-me chorar, minha grande estupida!!!!

(es linda e o vosso amor dava um programa de televisao...)

Cláudia disse...

Mais uma a quem fizeste chorar...

Ceres disse...

Imagino esse momento mágico :)

Sinto-me feliz pelo amor puro que vos une :)

Beijinhos

Miepeee disse...

Como eu coastumo dizer melhor do que ter um filho e ter mais do que um :)))
Beijinhos.

gralha disse...

:)))
É mesmo uma sensação maravilhosa, esta de testemunhar o nascimento de um amor para sempre.