quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Coisas que já sei

Acho graça à quantidade de coisas que posso dizer que já sei. Coisas das quais fiz teorias, frases, conjecturas e finalmente tirei conclusões. Coisas simples, menos simples, mais ou menos desarranjadas. Coisas.
Coisas de que posso falar se me pedem conselho, ou que guardo para mim se não me pedem.
A coisa que me chegou hoje de sopetão foi simples. Chegou com uma clareza quase cristalina, daquelas que admitem poucas dúvidas e deixou-me triste.
Entendi que, a maior parte das vezes, quem nada pede, nada recebe. Que quem bem se comporta não é visto, nem premiado.
Ao contrário de quem faz merda a vida inteira. Este sim é visto, ajudado, coberto de atenções e pézinhos de lã.
Premiar a merda através de excesso de zelo e ignorar aquele que não apresenta problemas, é das coisas mais idiotas que podemos fazer e magoa.
E esta coisa eu já sei.

5 comentários:

Crente disse...

Isso é daquelas verdades que se sabem e não se age. É triste. Somos educados a pensar que praticar o bem compensa, mas depois vemos sempre o contrário... Enfim, é triste.

Angelik disse...

Como eu te compreendo!

Melissinha disse...

Yap. Outro dia perguntei ao meu pai (sobre o meu irmão): então eu podia ter dado esse trabalhão todo? - e o meu pai: sim.

Precis Almana disse...

É isso e parecer que não trabalhamos se não passarmos a vida a dizer que o fazemos.
Que a vida não nos custa se não nos queixamos.
etc. etc.
Só no blogue eu passo a vida a dizer que trabalho muito, até para justificar alguma falta de inspiração. De resto, se estou com amigos e família e tal, quero é aproveitar para estar com eles e não pensar naquilo que me tira tempo para usufruir. Assim como a vida ser difícil e fazermos do tempo livre o tempo das lamentações...
Faz-me lembrar a anedota dos que passavam uma viagem a dizer "ai que sede que eu tenho!", até ao motorista do autocarro parar e, depois disso, passam o resto da viagem a dizer "ai que sede que eu tinha".
enfim.
bom ter-te de volta ;-)

Marina disse...

Como eu sei que isso é verdade... Bjs