terça-feira, 10 de abril de 2012

Mundo Virtualmente Chato

Depois de ler este post da minha querida e mui inteligentíssima Joaníssima e mais este da mui sensível e maternal Lady, ou mais não sei quantos que tenho preguiça de linkar, venho aqui dizer que não mexem comigo os blogues que desfilam as compras, os sapatos, as roupas, as carteiras, os gastos pessoais.
Estou-me a cagar.
Tal como sempre caguei para os meus colegas de liceu que diziam quanto tinham custado os seus ténis, ou exibiam as suas belas t-shirts de marca, com orgulho de prémio nobel da medicina, ou os seus carros, ou as suas férias na Quarteira (esse pedaço de paraíso algarvio).
É apenas uma questão de educação, de sensibilidade.
Obviamente que não tem nada de mal. Não prejudica ninguém, mas eu acho um bocado pindérico.
Jamais me ocorreria espalhar aos sete ventos o meu guarda roupa, dia após dia, ou as minhas últimas compras, principalmente numa época em que tanta gente conta os tostões.
Até porque, verdade seja dita, morreriam todos de tédio.
Não sinto inveja, não me dá vontade de coçar sítios estranhos do meu corpo. Apenas não sinto vontade de ver de que formas gastam os outros o seu dinheiro.
Confesso que também ando um bocado enjoada do facebook e da malta que tira fotos aos acidentes mortais, ou que decide fotografar-se em frente do prédio do maluco de Toulouse, para espetar com a foto no seu mural.
Farta da fina barreira que separa o virtual do real, que vicia, manipula, estraga o que possa haver de genuíno.
Em suma, ando com uma overdose de narcisismo alheio. Já me basta o meu.

9 comentários:

Melissinha disse...

Também só aturo o meu próprio narcisismo, e acho que é o único que todo mundo deve aturar: o meu.

Joanissima disse...

(você é tão linda e fófinha e tuditudi)

A mim mais do que me aborrecer, choca-me aquela gente que escreve que gastou € 1.49 em pensos hgiénicos, € 3.43 em papel para o rabo, € 1.32 em carne picada e que, contas feitas (adoro esta expressão), lá se foram mais nao sei quantos euros para o orçamento domestico. Ehpá, menos informação!!! Sim, sim, que a bida tá dificel toda a gente sabe mas escarrapachar assim, ao centimo, o que se gasta no supermercado, poe-me doida. Isso, e a factura da luz, da água, do arranjo do carro.
Será que nao percebem que tambem estão a expor o resto da familia?
Há gente 8e estou a lembrar-me de uma em particular) que chega ao ponto de dizer quando ganha ela e o marido e que poe x para uma conta e que fica com y depois de pagar nao sei que e depois, durante o resto do mes, desata a descrever ao centimo cada cagaddela que faz. Não ha pachorra. Choca-me mesmo. Acho pornográfico.

(melissa: AHAHAAHAHAHAHAHAHAH)

Ana C. disse...

Eu costumo comprar Evax, dodots e gosto do papel higiénico do mini-preço, que é resistente e barato. Não se desfaz no rabo, mas também não magoa à passagem.
À parte disso, gosto de comer nos prazeres da Picanha, peito de frango grelhado com feijão preto e arroz branco, por 4 euros e qualquer coisa.

Naná disse...

Nunca fui muito de perder tempo com isso, da mesma forma que nunca gastei dinheiro em revistas de moda ou da imprensa cor-de-rosa.

Parece que sempre que abro um desses blogues a palavra fútil perpassa-me o espírito.

Gosto no entanto de blogues que dão dicas de poupança ou de organização... mas também nem sempre estou para aí virada...

Joanissima, ahahahahahah! o pior é que há quem não perceba o quanto se expõe!

Ana. disse...

Acho que o que nos leva a visitar alguns desses blogues e páginas é sem dúvida o lado voyeur que todos temos. Mas o que é de mais também parece mal. Quero lá saber se a gaja comprou a blusa na Zara e as pulseiras na Bimba e Lola! E já para nem falar de como me passa ao lado o interesse de ter dez fotografias com uma roupa qualquer, banal, que qualquer pessoa pode vestir, em frente ao um roupeiro, ou às vinhas no Douro! É de uma pinderiquice sem fim!
;)

ex ana disse...

Basicamente são negócios (ou aspiração a eles...).
Há vários exemplos uns com mais bom gosto do que outros.

Melissinha disse...

onde é esse teu Prazeres da Picanha? peito de frango com arroz e feijão a 4,50 só no kilo!

Melissinha disse...

mais o chazinho gelado. É bom negócio, né? Agora é que estou a ver. Comi eu e o Buchas por 4,50 eur.

Brites de Briteiros disse...

Tem toda a razão eu que cheguei agorinha a esta coisa, passo-me com essas fulanas, não tenho tempo para essas frescuras. Mostram a roupa, os sapatos, as malas e os pequenos almoços, nunca viu? Há uma que tira fotografias, sempre que vi era cereais com mirtilos, cereais com amoras, deve ser chic, não?