domingo, 10 de janeiro de 2010

Aqui Rapa-se Mais Frio do que Na Ucrânia

Agora que a bimby está a fazer a sopa de feijão, os meus pés estão quentes como duas batatas assadas com umas meias bem grossas e esticados na direcção do meu puff, aqui me sento para vos fazer uma pergunta de grandessíssima importância:
Porque é que em Portugal se sente mais frio do que na Ucrânia?
As casas estão mal isoladas e são estupidamente quentes no Verão e arcas frigoríficas no Inverno? - BINGO!
A Electricidade é tão parvalhonamente exorbitante que só permite aquecer a divisão onde nos encontramos no momento sem termos que ligar à Cofidis para pedir um empréstimo e entregarmos a casa e o carro como garantia? - BINGO!
E este congelamento lento não se passa só nos nossos lares, temos também as escolas, onde, por muito dinheiro que se gaste nas propinas e mensalidades, nenhum cêntimo é investido para aquecer as salas de aula onde os miúdos ranhosos chegam a casa de ranho congelado no queixo.

10 comentários:

Melissinha disse...

É absurdo, revoltante, não há explicação.
E ainda acho que há cá a cultura de que aquecimento é prejudicial à saúde (a minha cunhada, por exemplo, não usa, acha que adoece as filhas, que depois vão para o frio e constipam-se. CARAÇAS, O SUPOSTO É NÃO IR PARA 0 FRIO. Estar o Inverno todo no quente.)

Tenho aquecedores em todas as divisões agora, e já temo a conta.
(Absurdo, revoltante, caso de saúde pública.)

Lebasiana disse...

nem me fales do frio... nem me fales!

jocas

Lia disse...

verdade verdadeira...estagiei numa escola onde só se escrevia com luvas no Inverno e era preciso 2 garrafas de água em gelo para n desidratar no Verão.
Ar Condicionado? Isolamento nas janelas? Qué lá isso? Isso é coisa de meninas...

Maria Manuela disse...

Eu só de pensar na factura da electricidade que está para vir até já ando à procura de um part time.

:(

Marina disse...

É verdade que as construções mais antigas não têm isolamento, quando muito têm paredes duplas, nem janelas climalit, mas isso é porque no tempo que foram construídas não havia invernos tão rigorosos como os últimos que temos tido. Aqui na aldeia onde vivo, a escola e a pré têm aquecimento por uma caldeira e felizmente os miúdos não passam frio. E a minha casa ficou tão bem isoladinha que só preciso ligar o aquecimento duas horas por dia no inverno e em agosto até tive frio cá dentro. Obrigada senhor empreiteiro!

Ana disse...

Ainda tu não estás em Braga. Aqui hoje o frio cortava. Amanhã para dar aulas vou levar um cobertor. Lol
Beijo

gralha disse...

É que é mesmo verdade. Aqui não vemos temperaturas positivas há umas duas semanas mas não sinto metade do frio dos Invernos portugueses. E a humidade daí também não ajuda.

Precis Almana disse...

Na Ucrânia não sei, mas aqui sente-se frio nestes dias. E muito. Mas eu gosto. Acreditas que são os únicos dias em que não transpiro da cara? :-( No Inverno normal, e como ando um bocado a pé, chego sempre ao escritório cheia de calor...

I. disse...

E há a humidade do rio e mar, que parece que se entranha e arrepia mais que o frio seco de outras paragens.
Eu só ligo o aquecedor na divisão onde estou, e ainda assim este mês vão ser uns 50 aérios de factura, já estou mesmo a ver.

A falta de aquecimento nas escolas, é um caso escandaloso. Ainda me lembro do aquecedor de resistência, que nem dava calor que chegasse à segunda fila... e os stores a embirrar porque estávamos de luvas calçadas. Pudera! nem sentíamos os deditos, livra.

PP_FANTASMA disse...

Somos assim mesmo, um país que não deixa de ser o maior em tudo, até na incompetência dos empreiteiros da construção cívil.
Ks:)