sábado, 25 de setembro de 2010

Nigella sua grandessíssima

queque, ouvir-te dizer abacate em inglês aristocrático, enquanto deitas meio pacote de sal no fruto. Ou ver-te lamber a colher de pau, ou de silicone, enquanto dizes que gostas dos teus ovos salgados e mais uma vez despejas meio quilo de sal no produto, faz-me pensar se algum dia te veremos quinar em directo.
Até lá continua a tua ingestão salina de 2 quilos diários que vais no bom caminho e não te esqueças de lamber o pacote do sal, quando terminares. Dá sempre aquele toque de sensualidade que se quer num programa culinário.
Aqui entre nós, confesso-te que estou sempre à espera que te deites na bancada com a varinha mágica e faças amor com ela a noite inteira, enquanto lambes os restos de caramelo dos dedos, mas isso só deve acontecer quando o açúcar atingir níveis de limite.
Love u dear!

7 comentários:

Manuela disse...

Ana, coitada da Nigella...sexy como ela só!
O que os homens gostam de ver o programa...
Beijinhos e bom fim-de-semana:)

Melissinha disse...

AMO.

Margarida disse...

(só vejo o programa dela porque tenho essa - secreta - esperança)


(depois dou-me ao trabalho de fantasiar o corpo dela, desmaiado, os gajos da ambulância a tirarem o corpo inerte de cima da bancada e descobrir que as cuecas são de avozinha e a celulite é proporcional aos quilos de sal e açúcar que ela tem a lata de meter nos cozinhados)

(eu sei, reajo mal a mulheres sensuais)

PP_FANTASMA disse...

Nigella who???
Está visto que não percebo nada de cozinha:)

Precis Almana disse...

Agora vejo-a de vez em quando. Apanho sempre receitas que não gosto, portanto nem consigo apreciar completamente o programa. É tudo muita calórico!

Joanissima disse...

Estou com a Mel.
Amo-a.

Pipoca dos Saltos Altos disse...

E a obcessão dela por malaguetas vermelhas? É que dá para tudo...