segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Sobre tudo e nada

Antes de vir aqui dizer com mais calma, que tenho uma filha mais adulta do que eu e que sinto uma vaidade absolutamente gigantesca por ela, quero deixar uma frase que encontrei hoje pintada na parede de um café. A princípio pensei que era mais uma frase Nicola, mas quando a li borrifei-me para a autoria, pois fez-me todo o sentido do mundo:
"A amizade é semelhante a um bom café, uma vez frio, não aquece sem perder o primeiro sabor."
Depois em letras mais pequenas, o nome do autor: Kant.
E esta hein?

6 comentários:

Miguel disse...

Ahhh, o Emmanuel sabia umas merdas!! E os filhos têm sempre o condão de nos surpreender nos momentos em que menos esperamos! Parabéns!

Quando e como eu quiser disse...

Depois de tanto filosofar Kant arranjou tempo para frases bonitas, embora os pensamentos não sejam menos profundos. Gostei.

Melissinha disse...

Cheira-me a apócrifo por todos os lados, mas é verdade, sim senhora.

Aislin disse...

Acho que já comentei este cantinho, que já sigo a cerca de um ano, se não sob este nome, sob um outro. Ainda não tenho filhos, nem sei se um dia os vou ter, mas entretanto vou transferindo esse amor e partilhando essas alegrias com as minhas primas, pequeninas. A mais velha foi agora para o quinto ano... Que crescida! E surpreende-me todos os dias! Umas lindas as minhas meninas! Espero que já esteja mais descansada quanto aos primeiros dias da Alice na escola e que tenha corrido tudo bem! =) Mais uma vez, parabéns pelo blog e obrigado pelas partilhas!

gralha disse...

Não tenho bem a certeza se concordo (aliás, espero que não). Depende do que motivou o arrefecimento, não?

Joanissima disse...

Eu cá não consigo beber café frio. Nem disgarçar que tolero. Quando arrefece, para mim, chega a deixar de ser café.

Estou naquela fase puta da vida em que ou é muito bom ou não me apetece.