segunda-feira, 25 de março de 2013

tenho dias

Em que tudo me parece cretino. Os dramas alheios porque chove na primavera, porque o verniz não saiu bem no tom, porque estão com dois quilos a mais, porque pisam merda, porque a neurose se instalou.
Tenho dias em que me apetece parar o mundo e começar a distribuir chapadas para acordar as pessoas, eu incluída.
Dias em que tudo deveria ficar parado, ainda que por míseros segundos, em homenagem a quem tem problemas de verdade.
Tenho dias em que me apetece parar para agradecer o que tenho e não deixar que a sombra supere sempre o sol. Não deixar mesmo. Fincar os pés em terreno firme e gritar para quem quiser ouvir que tenho as coisas que importam.

3 comentários:

Melissinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Naná disse...

o problema é quando temos desses dias, muitos dias seguidos!

conceicaobarreta disse...

É mau muito mau sentirmo-nos assim quando sabemos de dramas 10000 vezes maiores que os nossos,e dá vontade de batermos com a cabeça para acordarmos para a realidade,este post podia ter sido escrito por mim(não tão bem,claro)