quarta-feira, 23 de junho de 2010

Ajudem Alguém a Concretizar um Sonho

Há quem fique parado à espera que as coisas com as quais sempre sonhou caiam algures lá de cima e aterrem bem no centro das suas vidas sem sentido.
Há quem se resigne com as vidas que leva e passe os dias a queixar-se da sua má sorte.
Depois há toda aquela classe de pessoas corajosas que ousam. Fartas de acordar para a mesma realidade decidem virar o jogo.
Eu sempre defendi, um pouco cinicamente, que até para ousar é preciso dinheiro. Pois com filhos e hipotecas para pagar, os sonhos passam sempre para segundo plano.
Mas aqui temos uma mulher que foi um bocadinho mais longe e teve uma ideia, no mínimo brilhante, para ultrapassar esse obstáculo monetário.
Decidiu desfazer-se dos seus bens materiais num leilão em que todos vocês podem participar e assim juntar algum dinheiro para correr atrás do seu sonho e dar um pontapé na tal vida resignada.
Ajudarmos alguém a concretizar o desejo de uma vida melhor está sim ao nosso alcance e também nos faz acreditar que é possível.

Este é o post que explica a ideia.

4 comentários:

I. disse...

Já lhe comprei um livro. Estou a torcer para que ela consiga realizar o seu sonho. É de uma coragem imensa, e demonstra uma tenacidade acima da média. E, mesmo com bolsa, todo o tostão acumulado lhe será util, que o curso e vida em Bruges é caro comó caraças.

Olha, umas querem que lhes façam um pé de meia para comprar sapatos, outras querem pilim para estudar. Por quem eu torço? Nem se pergunta.

Joel de Sousa Carvalho disse...

Boa Tarde.

Venho por este meio divulgar um novo blog de opiniões pessoais, onde apenas destaca os assuntos actuais na nossa sociedade. Se possivel, divulgue ou apenas se torne seguidor.

http://quadratura-do-circulo.blogspot.com/

Maria disse...

Querida Ana

Obrigada pelo apoio e por ajudares a divulgar. Esse é o blogue do projecto.

Este é o pessoal:
http://maria-made-in.blogspot.com/

bjo grande

gralha disse...

O problema dos meus sonhos é que eu não tenho nada para vender. Ainda por cima agora já nem o eBay me aceita os filhos nem o marido, de modo que coisas de valor, nicles!
Força para a Maria!