sábado, 3 de janeiro de 2009

Viajar Sempre

Às vezes acordo com uma vontade imensa de estar noutro país.
De me levantar de uma cama de hotel e descer para o pequeno-almoço continental. Depois sair para a magia que é descobrir uma nova cidade, parar em cada esquina, olhar cada edifício, cada praça, cada rua, sentir os cheiros, ouvir as conversas numa outra língua, experimentar os pratos de uma outra cultura. E por fim, o melhor de tudo numa viagem: Sentar-me numa esplanada. Não precisa de ser central. Basta que tenha algum movimento de rua. Sentar-me ali e deixar-me ficar a "esplanadar", a absorver tudo o que irei trazer quando regressar. Tudo o que me vai enriquecer por dentro. Tudo o que vou lembrar quando as coisas estiverem menos boas.

2 comentários:

McSleepy disse...

Mas que bela palavra: "esplanadar"!!
Posso utilizar?
;)

JS disse...

Muito bonito. Tenho esse desejo muitas,mas muitas vezes mesmo...