sábado, 6 de junho de 2009

Cuidar da Ninhada Cansa

Hoje estive numa festa de putos. Um primo da Alice fez anos e lá fomos nós munidos de tampões para os ouvidos para quando os gritos dos miúdos começassem a enlouquecer-nos. Mas surpresa, das surpresas. Foi agradável. Ao ar livre, churrasco sempre a carburar sem grandes esperas, os miúdos selvagens ao ar livre de galho em galho e uma mãe que não via há muito tempo. Uma mãe divorciada com 3 filhas infernais que me dizia que estava a pensar comprar 3 bastões, com o nome de cada uma delas para afastar os rapazes que se aproximassem.
Uma mãe que cortou febras, fruta, encheu copos, gritou, bufou, avisou, desesperou, ouviu o seu nome ser chamado mais de mil milhões de vezes por segundo. Uma mãe que me deixou de rastos.
De tal maneira fiquei cansada com aquela guardiã da ninhada que quando cheguei a casa pus a roupa suja da Alice no micro-ondas.

14 comentários:

JS disse...

Eu tive cá em casa 12 no sábado passado e olha que no final, só queria ser a Bela Adormecida...

Tasha disse...

POr isso instituí que festas de anos infantis, com mais de 5 criancas, cá em casa, NUNCA MAIS!! Há uns recintos para festas fantásticos, e nao há dinheiro que pague o cansaco que uas mulher arranja depois da festa em casa ter acabado...
A ideia é gira, fantástica e tal... Mas quase impraticável...
Tampoes nos ouvidos, nao, teem que ser pensos higiénicos tamanho XXL, daqueles de noite, todos enfiados nos ouvidos. Só assim somos á prova de festas infantis...

Miepeee disse...

Por essas e por outras e que as festas nao sao ca em casa. Sai mais caro mas compensa a confusao, barulhos e limpezas.

Melissinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Melissinha disse...

Haha grande mãe.
Essas gajas fazem-me parecer mal!

Only Words disse...

É por essas e por outras que festas e crianças é coisa que não combino! Ahahahaha

Melissinha disse...

As festas de anos do Minúsculo da Tatas têm imperial e guacamole!

Ana C. disse...

JS o problema é que mais facilmente nos transformamos em gata borralheira do que em bela adormecida ;)

Ana C. disse...

Tasha essa dos pensos é boa ideia sim, aproveitamos e tapamos os olhos também ;)
Eu já percebi que não é crime pouparmo-nos, prova disso foi a ceia de Natal cá em casa para 30 pessoas em que foi tudo corrido a pratos, copos e talheres de papel :)

Ana C. disse...

Miepeee tens razão sim. É um verdadeiro stress pós traumatico arrumar uma casa depois de um furacão desses...

Ana C. disse...

Melissa notazinha: Esta mãe não era a anfitriã, pois essa teve muita ajuda dos sogros durante e após a festa. Esta campeã é outra e duas das filhas já entraram na idade da parvoíce aguda...

Ana C. disse...

OnlyWords A palavra festa e criança só é festa para as crianças :)

JS disse...

Deixa-me dizer-te que nunca vi miudos tão limpos, tão preocupados com a reciclagem e apreciar a decoração!!! Quando sairam os brinquedos estavam todos desarrumados, mas não tinha uma migalha no chão. A minha alma ficou parva!!!

HannaH Sophia disse...

Minha teoria:

1 criança sozinha - optimo:)
2 crianças juntas - algum trabalho:|
3 ou + - inferno!!!!!!!

ihihih