quinta-feira, 4 de junho de 2009

The Ultimate Survivor



Sempre que apanho o programa deste javardo no Discovery fico presa a ele como uma mosca que não consegue largar a pestilência.
Algum de vocês já viu a quantidade de porcaria que este homem leva à boca no decorrer do seu programa?
O objectivo dele é ensinar-nos a sobreviver nos locais mais improváveis. Bastante útil para mim, pois aventureira como sou, nunca se sabe quando posso ficar presa na floresta, savana, ou pior do que qualquer uma daquelas hipóteses, no cú de judas.
Ora como estava a dizer, o nosso amigo mostra-nos que podemos comer desde entranhas de carcaças de zebra, a fezes de camelo, de rinoceronte, a larvas do tamanho de aviões, beber a própria urina. Ele faz festinhas carinhosas em tarântulas venenosas do tamanho de jipes e beija crocodilos no meio da água. Enfim, é um fartote.
Mas a única coisa que me prende verdadeiramente a atenção é vê-lo comer coisas que nem os abutres querem para eles, pois penso sempre na cara da namorada quando o vê atravessar a porta da rua a dizer: Querida cheguei, beija-me na boca!

Por Favor se acabaram de comer não vejam o Filme, correm o sério risco de bolsarem de seguida...

25 comentários:

Miepeee disse...

Tambem costumo ver esta gajo e as vezes tenho que fazer um esforo tremendo para nao ir vomitar. Quando o gajo bebeu a propria urina ......bleeeeeeeeeeeeck.
Se fosse meu namorado ia desinfectar a boca durante 15 dias e depois logo se via se o beijava.

Melissinha disse...

Há programas que não conseguimos deixar de olhar, por mais trash que sejam. Raios partam, é tipo um acidente de automóvel.
Para mim são as putas que dá na sic de madrugada. Vejo um segundo e já estou completamente vidrada. HIPNOTIZADA.
Trash mais trash não há-

(usei a palavra putas... não há crianças por aqui, pois não? Pois não.)

Tasha disse...

Também vejo. É do pior... Nem dá para acreditar... No outro dia pegou num escorpiao, cortou-lhe a cauda com uma faca e comeu.... BLAGHHHHH! É que nem que me pagassem muito! Nem Euromilhoes (Jackpot)!!! BLAGHHH, BLAGHHHHH e BLAGHHHH!!

Vanessa. disse...

Às vezes também vejo isto, e só eu sei a impressão que me faz ver certo tipo de coisas!

Quanto à namorada, se fosse eu, não o beijava assim sem mais nem menos. Primeiro, ele teria de lavar a boca e os dentes!

MARIINHA disse...

Que nojo! Eu não gosto de ver isso, fico mal disposta. Essa das larvas é demais.
Beijokas

Lótus disse...

Nunca vi! Mas entre cocó de camelo e a própria urina, deve ser a não perder...
E dá quando?

A mim não me beijava nem que tomasse banho em álcool etílico!

JBrito disse...

Já comi coisas estranhas também, mesmo nem sabendo o nome das mesmas. È que nem o primeiro nem o ultimo, depois é aborrecido, porque no dia seguinte, quando acordamos ao lado dos “bichos”. (piada supra-machista, mas têm a sua piada)
Certo?
Pois claro.
Mas a culpa não é minha é que sou assim mesmo… Parvo, por natureza e escrevo coisas sem pensar mesmo, ainda por cima no blog onde a frequência é de 80% do sexo feminino.
Falando do post… Cada um sabe de si, eu de mim, e alguém de toda, a gente ou não!?

JBrito disse...

**CORRECÇÃO**
Assim é que era bem "escrevido", pormenor da virgula.

- Falando do post… Cada um sabe de si, eu de mim, e alguém de toda a gente, ou não!?

Ana C. disse...

Miepeee 15 dias? Eu deixava era de lhe dar beijos. Aliás terminava tudo com ele só pelo bafo a carcaça.

Only Words disse...

Mas quem me mandou a mim ler este post depois de uma bela refeição??? Estou assim para o enjoada. Vou ali vomitar e já voltooooooooooooooo

Ana C. disse...

Melissa sua grande porca. Estás a falar das coelhinhas na Sic Radical? Ou seja do dia a dia das pêgas? Sim podes comparar, às vezes elas têm que comer coisas repugnantes também AH AH AH AH

Ana C. disse...

Tasha ainda bem que não vi esse. Eu acho que o homem tem uma séria pancada...

Ana C. disse...

Vanessa só lavar a boca e os dentes? Para mim não chegava, acho que não era capaz de o beijar nunca mais...

Ana C. disse...

Mariinha tu és valente. Pois eu quando vejo uma coisa que me dá vómitos fico ali feita parva, as mãos em frente dos olhos, mas os dedos todos abertos...

Ana C. disse...

Lótus estou contigo, ele que nem se chegasse a mim com aquela boquinha putrefacta...
Dá no Discovery Chanel à noite, agora não sei a hora exacta.

Ana C. disse...

JBrito já comeste coisas estranhas e depois acordaste ao lado delas, sim... Compreendo, mas certamente não eram coisas putrefactas, nem carcaças, ou eram?...

Ana C. disse...

OnlyWords Sorry :)

ML disse...

Nunca vi este programa (as coisas que tu me ensinas!)...mas também não quero ver mais!
Que nojo, deu-me vontade de vomitar quando aquela larva rebentou. Que noooooooojo!

Ana C. disse...

ML é um prazer contribuir para a tua educação cultural :)

PP_FANTASMA disse...

Este tipo deve ter muitos parafusos a menos. O que vale é que sempre que me perco no Colombo, encontro logo por ali um McDonalds ou algo do género.
Ok, eu sei que isso tb é nojento:)

Ana C. disse...

PP Fantasma AH AH AH
Por falar em Colombo a realidade é que eu perco-me sempre nesse Centro Comercial infernal. McDonalds é controladíssimo em termos de qualidade, se queres mesmo comparar. Talvez um restaurante chinês :)

Banita disse...

Blarghhhh
C'a nojo!! Para a próxima não vejo o vídeo! Ah e quanto a esse gajo... beijá-lo? Só depois de um transplante completo de boca, traqueia, esófago e estômago! Intestinos já não era preciso afinal, aquilo já está cheio de merda, né?
Mas, sinceramente, o gajo está a fazer um esforço do caraças para comer aquilo... viste a cara dele?
Ó amigo, se queres ganhar dinheiro e ainda por cima até tens um palminho de cara... vai mas é ser modelo e deixa de comer merda!

Ana C. disse...

Banita eu seria mais radical, acabava tudo com ele e com a boca dele. E merda não é apenas merda, há uma que cheira pior que outra...

JBrito disse...

Mas este rapaz desperta-vos para escrever assim de modos que mais mal educado, caramba nunca vi tanta “m3rda” junta em letras/bocas de senhoras, desde que surfei em Leça e estava lá uma senhora gorda com um biquíni que mais par… (outra historia). =)

Ana C. disse...

JBrito às vezes não há metáforas que nos valham. Quando temos visões dos infernos só nos apetece mesmo avacalhar a linguagem :)