quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Chegaram!


Lembram-se de vos ter falado nas medalhas? Pois é chegaram hoje de manhã cedo e não desiludiram.
Difícil mesmo foi fotografá-las. Odeio e adoro máquinas digitais.
Decidi imortalizá-las (eh eh) sobre um dos meus postais de eleição que alguém me enviou um dia, depois de um grande sucesso na minha vida.
Nele repousa uma frase banal, mas cheia de significado. Uma frase que tento sempre não esquecer de cada vez que sinto o chão fugir-me sob os pés:
"Quando uma porta se fecha, abre-se sempre algures uma janela".

12 comentários:

Melissinha disse...

Olha que engraçado, sonhei que fazia uma medalha com o nome do Gabriel. Foi tudo bem nítido, inclusive a medalha: um coração dourado, mais cliché impossível, mas muito bonito.

Muito giras as medalhas.

HannaH disse...

Uma frase banal, sem dúvida...mas quem disse que a banalidade não tem valor?temos tanto ar, é banal, no entanto é a coisa mais importante na vida!

Humildevaidade disse...

Lindas... adorei, sinto-me tentada a procurar. Gostava também em anel, não sei se resultará tão bem... vou informar-me.

*

Ana C. disse...

Melissa estavas em sintonia :) Tens que mandar fazer uma e ponto final.

Ana C. disse...

Hannah não há maior sabedoria do que a contida nos ditados e dizeres populares...

Ana C. disse...

humilde força deambula pelo site e vais perder a cabeça :)

Raquel disse...

As medalhas são muito giras, e ainda vou ver o site onde as encomendaste para me perder num mundo de presentes por um bocado, tive um dia de loucos! A frase do cartão que alguém te deu é uma que gosto e uso muito, porque sempre me fez muito sentido. Quem te deu esse cartão deve gostar muito de ti, só quem gosta é que partilha a melhor sabedoria que tem!

Sunrise disse...

:) São giras as medalhas. Já quando tinhas falado nelas eu tinha gostado. Bjs

disse...

Eu acredito tanto nessa frase...

Ana C. disse...

Raquel se deres uma volta pelo site tens mil e uma hipóteses de auto-prenda. Ou então de deixares uma dica ao teu mais que tudo, ah ah :)

Ana C. disse...

Sunrise e não desiludiram, são mesmo queridas.

Ana C. disse...

Bê ainda bem que acreditas, pois às vezes fechamos os olhos e não vemos a janela aberta mesmo à nossa frente ;)