quarta-feira, 5 de maio de 2010

Medo

Tlim-tlão.
- Quem é?
- (voz de agarrado) Pode abrir minha senhora?
- Abrir sem saber quem é? Não me parece.
- É o Bruno Miguel.
- Muito bonito o nome, mas o que é que quer?
- Se não abrir como é que pode saber quem é?
Mas estes gajos pensarão que mora aqui uma idiota?
- Agora estou numa reunião e não tenho tempo (sempre sonhei poder atirar com esta deixa).
Odeio quando isto acontece e tem acontecido vezes demais para meu gosto. Tenho a sensação que andam a ver as casas que estão vazias a esta hora.

7 comentários:

Melissinha disse...

O Bruno Miguel já cá veio também.

gralha disse...

Ui...
Devias responder alguma coisa como: "Vem anunciar a Salvação? É que estou há espera há dias e nunca mais vieram cá como prometeram. Oh CAMANÉÉÉ! Estão aqui os senhores que nos vêm trazer a Salvação! Vai chamar a tua Mãe!"

Precis Almana disse...

Ahahahaha (para a Gralha).
Quanto ao resto, todo o cuidado é pouco. E que tal, como quem não quer a coisa, ir informar a polícia que essas coisas acontecem mais vezes do que quererias? Só para ficarem a saber...

gralha disse...

A gralha escreveu mais uma gralha: "estou À espera há dias". Vou já ali chicotear-me, que raio de revisora quero eu ser?

MARIINHA disse...

Cuidado com isso do Bruno Miguel. Pode ser alguém a pedir, mas pode ser como dizes.
Não sei se acontece às outras pessoas, mas para a minha ligam várias vezes ao dia, sempre número confidencial. Eu vejo quando chego a casa.E por volta das 19h. voltam a ligar. Se estou, atendo e não ouço ninguém.Fico pior que estragada.
Também já pensei que fosse para saber quando está gente em casa.
Beijinhos

LaranjaLimão disse...

Bruno Miguel?? A mãe do gajo devia ter apertado as pernas. Que merda de nome!
Ladrão que é ladrão tem de ter um nick, tipo, Fisgas, Mãozinhas, Estalinhos, qq coisa deste género...

sofia disse...

Eu gostei mesmo foi quando ele disse o nome
é do tipo, ora "prontes", agora que já me apresentei porque não me abre a porta para podermos sentar-nos a tomar um chá e na volta levo-lhe tudo o que me couber nos bolsos e se a senhora me facilitar umas sacolas ainda era melhor!
(Agora a sério, se isso acontecer com frequência avisa a policia mesmo)