sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Viajar Perder Países Ser Outro Constantemente

Joaníssima da Silva depois de me englobar no pacote das "Minhas Anas" pediu-me que falasse acerca das 3 viagens de sonho feitas e por fazer.
Aqui tenho um grande problema, pois 3 é pouco. É pouco para fechar numa gaveta as que fiz e pouco para colocar no meu desejo as que farei. Mas vou tentar.
- A viagem que fiz a Itália com a Rita e a Diana. Milão, Roma, Florença e Veneza. Fomos as 3 numa espécie de despedida da vida de solteiras, ainda que não soubéssemos que assim era. Desde essa viagem que cada uma acabou por seguir o seu rumo adulto, mas as melhores memórias não foram embora. Os cigarros fumados a seguir ao jantar numa tranquila ponte em Veneza (nenhuma de nós fumava já, mas abrimos excepção), as conversas sobre amores desejados, os cafés caríssimos das esplanadas nas praças principais. Quando me lembro desta viagem, lembro-me que vivi.
- A primeira vez que conheci os Estados Unidos num misto emocionante de filme e de reencontro com um país que já conhecia pelos livros e pelo cinema.
- A nossa Lua de Mel por representar o começo de tudo. Praga com a sua vida, a sua música, as suas cores. Salzburgo como a terra que viu Mozart nascer e que nos abrigou de mão dada a acertarmos o passo um pelo outro.

As 3 viagens que sempre desejei fazer e que estou certa farei um dia mais tarde:
- Chile e aqui admito pela Isabel Allende :)
- Nova Zelândia por ser nos antípodas, por significar que conheci o outro lado do mundo.
- Escócia. Esta terá que ser a nossa próxima incursão. Por todo o misticismo inerente e por sempre ter sonhado pernoitar num castelo assombrado.

Gostava muito de saber sobre as viagens imaginárias e reais da Raquel, do Miguel e da Melissa. Por isso considerem-se desafiados.

10 comentários:

Jo Ann v. disse...

Adoraria ir para a Austrália para minha lua de mel... O:-)

Raquel disse...

De todos os lugares do mundo que já vi ter que escolher só 3 é quase impossível! E de todos os lugares que ainda quero visitar ter que fazer o mesmo é doloroso!... 3 - número minúsculo, mas ok vou tentar, aqui vai...
* onde já estive:
- Brasil, pelas côres das coisas e os cheiros intensos que mesmo 10 anos depois ainda os sinto quando penso naquele país...
- Estados Unidos, curiosamente pelos exactos mesmos motivos que descreves Ana!
- Itália, onde visitei Florença, Roma, Milão e Veneza e todos esses lugares me fizeram sentir como se estivesse em outros tempos, em quadros, em notas de música!...
* onde gostava de ír:
- Japão, porque não é todos os dias que se visita um planeta diferente ;)
- Índia, para uma viagem física e espiritual (esta é difícil de explicar aqui, mas não me estou a referir a "drogas mágicas"! Ahahah...)
- Nova Zelândia, por ser linda de morrer e de ser o outro lado do mundo!

Ana, não me voltes a fazer isto por favor!... Vamos combinar falar de viagens de sonho - feitas ou ainda por fazer, mas nunca reduzindo o número (nem a 3, nem a 10, nem a mil!... Sem limites!)
Bjs xx

Ana C. disse...

Jo Ann do que é que estás à espera?

Ana C. disse...

Raquel adorei as tuas respostas, sim 3 é ridículo. Mas tinhas era que responder lá no teu blogue sua grande tosca e escapares a todas as regras do desafio, cagavas nos 3 e punhas os que te passassem pela tola ;)

Jo Ann v. disse...

Ainda não casei... ainda nem me pediram em casamento ! :-P

Ginguba disse...

Comentário 2 em 1:
Infelizmente não viajei quase nada e nunca fui aos lugares que gostaria. E como eu gostaria de ir a esses lugares! Tenho um sonho, maior que os outros, de ir a NY (para ver se consigo finalmente vêr de perto o Crhysler building iluminado) :D
Acho que vou comprar o teu livro. Viajo assim...
(Eu também choraria um balde!)

Miguel disse...

Bolas... pronto, pronto eu respondo...

Ana C. disse...

Ginguba hoje em dia há viagens tão acessíveis. Não deixes de ir aos sítios onde sonhaste ir, sim?

Ana C. disse...

Miguel já sabes que os meus desejos são ordens para ti eheheheh

Ginguba disse...

Oh Ana! As minhas não viagens não têm só motivos económicos! Se a ida aos EUA está fora do meu orçamento, outras há que não! O problema é que o meu marido tem uma mutação genética(de certeza!) que o transforma num ser insuportável quando atravessa a fronteira. E há viagens que eu não quero fazer sózinha nem com outra pessoa! Coisas da vida! O q vale é que eu não insisti em ir para o estrangeiro na nossa lua de mel! :D