terça-feira, 21 de julho de 2009

Adeus Frank

Hoje fiquei um bocadinho mais triste depois de ler isto, pois morreu um homem que me marcou muito pela sua história de vida relatada nos livros As "Cinzas de Ângela" e "Esta é a Minha Terra".
Sei que nem sempre os escritores que amamos são grandes homens, ou têm vidas fascinantes, tal como nem sempre os homens que admiramos pelos seus feitos são grandes escritores. Mas o Frank McCourt ofereceu-nos o que de melhor alguém nos pode dar. A sua vida rica, cheia de tudo o que importa, contada de uma maneira despretenciosa, límpida, clara, humilde em forma de livro.
Por muito tempo que passe nunca hei-de esquecer as páginas desta história que me agarrou desde a primeira página e que se entranhou bem fundo na minha memória.
Adeus Frank, mas acho que pudeste dizer no final que tiveste uma vida plena. Obrigada por a teres partilhado connosco.

4 comentários:

Cor disse...

As Cinzas de Ângela é “Aquele” livro. Também me “prendeu” do inicio ao fim e já o emprestei vezes sem conta a pessoas que gosto muito, só fiz questão de nunca lhe perder o rasto para regressar sempre a casa depois de “prender” mais alguém.

Aproveito a oportunidade, pois apesar de te ler diariamente nunca tinha comentado, para deixar o meu voto de parabéns pela gravidez.

Sorriso Ana C. :)

Ana C. disse...

Olá cor! Eu nunca emprestei o meu livro, nunca consigo emprestar os livros que gostei muito, pois na maior parte das vezes não os volto a ver...
Obrigada pelas tuas palavras e por favor continua a comentar sempre que te apetecer :)

Kitty disse...

Nunca li nem um nem outro :o(

Ana C. disse...

Kitty faz a tua encomenda On-Line é agora!!!
O segundo é a continuação do primeiro.