domingo, 22 de fevereiro de 2009

Descomplica-me

Porque somos criaturas terrivelmente complicadas pecamos por vos fazer pagar em lume brando por tudo o que ignoram, não fazem, esquecem, não dizem.
Porque somos terrivelmente sensíveis ficamos magoadas dias e dias seguidos sem que vocês atinjam a causa de tamanha dor.
Porque somos terrivelmente inteligentes não vos dizemos a causa dessa dor que nos consome e esperamos que vocês a adivinhem. Vocês atiram às cegas em todas as direcções, falhando quase sempre o alvo e nós ficamos a sorrir com a vossa falta de pontaria.
Porque somos tremendamente femininas sentimos dores onde vocês não sentem e choramos com o que vocês não choram.
Porque somos mulheres, mães, filhas, donas de casa, trabalhadoras, criadoras de emoção, temos que nos reinventar todos os dias e isso cansa. Tira-nos tantas vezes a força para aquilo que realmente importa e ficamos menos românticas, menos mulheres. Vocês já pouco reconhecem daquela rapariga sedutora e alegre por quem se apaixonaram. Pensam que ela se perdeu algures entre as tarefas diárias que tem que cumprir, mas ela está aqui, bem viva, escondida dentro de nós.
Façam-nos um favor e tentem acordá-la de vez em quando.
Sei que muitas vezes complicamos aquilo que deveriamos descomplicar, mas é aí que vocês têm que nos ajudar. Vocês são a nossa descomplicação. Não tentem entender-nos, descompliquem-nos apenas. Ajudem-nos a retirar as camadas que não importam até restarmos apenas nós, tal como quando nos conhecemos.
Porque de uma coisa podem estar certos: Ainda vos amamos muito, só temos que ser descomplicadas.

JS inspiraste-me a desabafar

20 comentários:

Sunrise disse...

Desde cedo os homens deviam ser instruídos a resolver enigmas e charadas. Podia ser que ficasse mais simples nos entenderem. Porque acho que é assim que eles nos vêm, como um enigma.

Ana C. disse...

Sunrise, ou então deviam simplesmente desistir de tentar entender-nos e limitarem-se a abraçar-nos e dizerem-nos que vai ficar tudo bem :)

Sílvia disse...

Descreveste na perfeição como somos... E quando não entendem bastava um abraço e a certeza de que estavam ali...

bjinho***

MARIINHA disse...

Nós mulheres somos de facto um bicho estranho, e por isso os homens ficam à toa porque não nos entendem.É como se estivéssemos num outro registo. Somos muito mais sensíveis deve ser isso. Por algum motivo foi a nós que nos calhou ser mães. Eles são mais práticos e por vezes não fazem por mal, é que a sua sensibilidade não é como a nossa. Eu sei que sabia bem um abraço, um carinho em certos momentos, mas não vamos exagerar, não compliquemos. A vida já é complicada que chegue. Bj

Ana C. disse...

Sílvia, nós somos assim, eles são assado e juntos fazemos um belo cozinhado. Mas se nós tentássemos ser menos assim e eles menos assado seria perfeito. E há alturas em que não queremos ser compreendidas, apenas abraçadas e mandadas calar.

Ana C. disse...

Mariinha, nós somos muito à frente :)
Agora a sério, por isso é que digo que eles podem ajudar a descomplicar, às vezes bastava taparem-nos a boca e dizerem que nos amam.

JS disse...

Ána, quanto ao facto de eu te ter inspirado, só te posso dizer que pareces daquelas cozinheiras fantásticas,que com dois ovos fazem um banquete.

Um abraço enoooorme!

Tasha disse...

Ana C. há uns anos li um livro fantástico que fala precisamente de tudo isto: "Homens São de Marte, Mulheres São de Vénus" de John Gray. Tudo isto é tao verdade... Maravilhosamente descrito. Li este post com muita satisfacao e sem conseguir tirar um sorriso da cara. Muito bom, mesmo

Ana C. disse...

JS não é nada verdade, eu não sou uma grande cozinheira. Só sei cozinhar quando os ingredientes são de qualidade, porque esses é que fazem um prato brilhar :)

Ana C. disse...

Tasha eu sei qual é o livro, mas nunca o li. Todas nós podiamos escrever um livro com esse título :)

Joanissima disse...

Somos complicadas, sim. E dificeis de entender.
talvez por isso eles nos achem tão fascinantes. : )

Ana C. disse...

Joaníssima é claro que um bom mistério adensa a atracção, mas depois de agarrados eles só querem é descobrir como é que funcionamos :)

Eumesma disse...

Eu ás vezes parece-me que estou a ver-me ao espelho, tal é a identificação com as tuas palavras.
Acho que certos blogs deveriam ter um chat, primeiro porque eu apetecia-me falar e falar e falar sobre o assunto...
E dps porque se todos pudessem falar dariam-se aqui belas conversas pela certa. :-)
Bem, parando com os devaneios...;-)

Somos de facto tão diferentes deles, "olhamos" para eles com os olhos que olham para nós, e queremos á froça que eles sintam como nós, entendam como nós...aiii.

Olha sabes que mais?? Acho que este blog teu deveria ser lido por todos os os homens talvez assim eles aprendessem alguma coisa sobre o bicho feminino.Os olhos deles viam através dos teus e tudo melhorava entre as duas especies...;-)

(e ainda nem fui comentar o outro post, que sou eu escarapachada, o do tentar mudar...)

Bjs

Vekiki disse...

O pior é quando eles parecem não entender isso...ser Mulher não é fácil e só precisamos de ternura e carinho...

Ana C. disse...

Eumesma, pelo menos sabemos que não somos só nós a sentir-nos assim, não é? É a MULHER em geral. Não somos aves raras, somos só mulheres :)

Ana C. disse...

Vekiki, eles têm que ser ensinados, temos que lhes dar as pistas todas. Também já aprendi que não podemos ficar à espera que nos adivinhem. Se eles não chegam lá sozinhos, temos que lhes dar uma ajuda :)

Cristina disse...

:) Mais um post tão verdadeiro!!! Acho que vou enviar ao meu marido para ele ler. :)

Cristina

Ana C. disse...

Cristina realmente agora reparei que só mulheres vierem ler este post. Era bom que pelo menos um homem lesse :)

banita disse...

Há que ensinar aos (nossos) homens onde está o nosso botão "complicador" para irem lá de vez em quando pô-lo no off!!
Já dizia um colega meu: Desliguem o complicador!!!

Ana C. disse...

Banita, mas que bela ideia. E onde é que é o botão? É que às vezes também gostava de desligá-lo eu. Ah Ah Ah